BH in SOLOS // 2014

A 2ª edição da BH in Solos – Mostra de espetáculos cênicos individuais, contemplada pela Funarte no Edital de Ocupação do Galpão 3 da Funarte MG, foi realizada entre os dias 13 e 23 de novembro de 2014 com parceria do Grupo Teatro Invertido, Esquyna Espaço Coletivo Teatral, A Patela Cia e a Cia Drástica de Artes Cênicas. Oito solos do Brasil e da Colômbia integraram a programação da mostra:

POSES PARA (NÃO) ESQUECER // Heloisa Marina (Florianópolis/SC)

poses
FOTO: Bruno Ropelato

O que a história da nossa família diz sobre a gente? Somos um pouco desses estranhos que aparecem nas fotos em preto e branco? O que eles revelam sobre o que somos hoje? Em Poses para (não) esquecer, Heloisa Marina confronta as lembranças das histórias de guerra contadas pela avó imigrante polonesa com suas diversas versões, fundindo os fatos e fábulas de sua família com questões íntimas e coletivas.

Ficha técnica: Direção e iluminação: Elisza Peressoni Ribeiro / Atuação e produção: Heloisa Marina / Dramaturgia: André Felipe / Direção de Arte: Taiane Silva / Realização audiovisual: VALENT / Preparação vocal: Fernanda Rosa / Arte gráfica: Maria Carolina Vieira

MEMÓRIAS PÓSTUMAS DE UM NEGUINHO // Lucas Costa (Zap 19 – Belo Horizonte/MG)

Memorias-Postumas-de-Um-Neguinho
FOTO: Thiago José Macêdo

O solo conta, a partir de histórias pessoais, a trajetória do ator negro Lucas Costa em seu processo de autoaceitação. É dividido em dois movimentos distintos, que acontecem em sequência que se entrelaçam. Com humor e sensibilidade, o racismo é analisado das pontas até a raiz.

Ficha técnica: Atuação e texto: Lucas Costa / Dramaturgia: Dan Costa, Lucas Costa e Rogério Coelho / Direção: Cida Falabella / Preparação vocal: Maíra Baldaia e Renata Andreia / Direção de vídeo: Thiago Macêdo / Cenário e Figurino: Dan Costa e Stela Maris / Produção: Maíra Baldaia e ZAP 18 / Colaboradores: Marcus Alexandre, Rodrigo Ednílson, Denise Costa, Gustavo Falabella Rocha, Tásia de Paula, Sarau Preto, A(r)mando o Black

CON MIS PIES EN TU TIERRA // Catherine Gutiérrez (Corporacion Teatral El Baúl – Bogotá/Colômbia)

con mis pes

Em uma vereda ao norte dos Andes, uma menina aguarda o retorno do seu pai enquanto tenta defender o rancho onde vive, abalado pela frequente aparição de uma ameaça desconhecida. Para não perder o que ainda lhe resta – a memória – ela terá de resistir, refletir e lutar.

Ficha técnica: Diretor: Jorge Romero Mora / Elenco: Catherine Gutiérrez Alfonso / Oscar Armando Celis González (Músico) / Cristian Villamil (Asistente Técnico)

ENSAIO PARA SENHORA AZUL // Kelly Crifer (Belo Horizonte/MG)

02_04_ensaio-para-senhora-azul-kelly-crifer
FOTO: Guto Muniz

Essa é a história de uma mulher líquida. Que despeja, molha, encharca e logo escoa, escorre, jorra depoimentos como num surto, numa escalada maníaca. Durante nossa estada diante dessa imagem, vemos, ouvimos, nomes, números, cores, sons, formas, silêncio, essas coisas para as quais a gente fica tentando encontrar alguma significação.

Ficha técnica: Direção e dramaturgia: Robson Vieira / Atuação e dramaturgia: Kelly Crifer a partir de textos de Grace Passô, Kelly Crifer, Robson Vieira e Viviane Ferreira / Dramaturgia: Assis Benevenuto / Colaboração artística: Viviane Ferreira / Consultoria em Figurino: Marco Paulo Rolla / Cenografia: Kelly Crifer e Robson Vieira / Assistente de cenografia e Cenotécnico: Victor Giorni / Iluminação: Robson Vieira / Sonoplastia: Kiko Klaus / Fotos: Guto Muniz e Marco Aurélio Prates / Colaboração técnica: Rogério AlvesCriação Gráfica: Cata Preta

DISCURSO DO CORAÇÃO INFARTADO // Silvana Stein (Belo Horizonte/MG)

discurso-do-coracao-3
FOTO: Pedro Bastos

Horácio, um velho solitário que sempre desejou ser um ator dramático, sofre uma noite de insônia. Ele se divide entre a existência de seu corpo frágil e sua paixão por “Hamlet”, de William Shakespeare. A profundidade da noite traz à tona a questão de sua existência. Ao mesmo tempo, a vizinha do andar de cima invade sua solitude, situando o velho no tempo presente, fazendo-o vítima de várias intempéries e maravilhas da contemporaneidade.

Ficha técnica: Direção e Dramaturgia: Ricardo Alves Jr e Silvana Stein /  Atuação: Silvana Stein / Iluminação: Leonardo Pavanello / Figurino e Cenografia: Tereza Bruzzi, Ana Cardoso e Ricardo Alves Jr / Edição de som: Felipe Zenícola / Preparação Vocal: Flávia Betti / Assistente de Direção: Alexander de Morais / Preparação Clownesca e Bufonesca: Adelvane Néia / Criação de Arte Gráfica: Vinícios Souza / Produção executiva: Ricardo Alves Jr. e Silvana Stein / Realização: EntreFilmes

BESTIÁRIO // Vinícius Souza (Belo Horizonte/MG)

bestiario
FOTO: Ethel Braga

Um estranho mestre de cerimônias tem dificuldades para se comunicar com seu público. Seria mais uma noite divertida, não tivesse acontecido uma tragédia antes do espetáculo. Alguém percebeu alguma coisa? Em seu primeiro solo, Vinícius Souza explora uma labiríntica dramaturgia e uma atuação que se desdobra em mais de um personagem para contar uma história em que a natureza humana contrasta com outras formas de vida.

Ficha técnica: Dramaturgia, direção e atuação: Vinícius Souza / Colaborações artísticas: Assis Benevenuto e Sara Pinheiro / Figurino: Lira Ribas / Iluminação: Gil Ésper

A PROJETISTA // Dudude (Belo Horizonte/MG)

a projetista
FOTO: Guto Muniz

Em um projeto não existe nada além de um enorme espaço vazio a ser ocupado, sua nutrição é a vontade, o desejo de existir, de voar. A Projetista transita por terrenos áridos, desnutridos, muito rasos. Ela se utiliza do nada para preencher o vazio do mundo. Projeta-se no espaço um pouco mais a frente. São lançadas ao vento ideias, vontades, propostas a todo instante enquadradas no formato A4.

Ficha técnica: Concepção e Interpretação: Dudude / Direção: Cristiane Paoli Quito (SP) / Assistência: Lydia Del Picchia / Figurino: Marco Paulo Rolla / Costureira: Mercia Louzeiro / Trilha Sonora: Natalia Mallo & Danilo Penteado / Desenho de Luz: Bruno Cerezoli / Técnico de luz: Bruno Cerezoli ou Pedro Amparo ou Wellington Santos / Captura de imagem e vídeo: Joacelio Batista e Frederico Herrmann / Suporte técnico de som e imagem: Frederico Herrmann / Cenotécnico: Helvécio Izabel / Produção: Patricia Imaculada de Matos / Agente: Jacqueline Castro

DESMEMÓRIA AMÉRICA LATINA // Michelle Ferreira (Flores de Jorge Cia Cênica – Belo Horizonte/MG)

FOTO: Daniel Protzner
FOTO: Daniel Protzner

A memória da América Latina está além dos livros de história. Quais são as histórias que não nos contaram? Quem somos e o que valemos como povo? A complexa identidade dos latino-americanos, o que nos une e o que nos distancia uns dos outros? Estas são algumas perguntas levantadas neste discurso cênico-político-antropológico.

Ficha técnica: Direção: Rodolfo Guillén / Elenco, concepção e dramaturgia: Michelle Ferreira / Tradução do texto para o espanhol e locução: Teresa Zamorano / Iluminação: Wellington Santos / Técnico de som: Flávio Cravo / Projeto gráfico e tratamento imagens projeção: Tiago Almeida / Realização: Flores de Jorge Cia Cênica